17 julho 2014

Empadas

 

Conta-se que um talentoso e criativo padeiro de uma pequena cidade ao sul da França resolveu experimentar uma combinação de farinha de trigo e manteiga, sem fermento. O resultado da mistura foi um tipo de “farofa”, ou seja, uma massa que não tinha "liga". Como ele não conseguia dar um formato à massa, uma vez que se desmanchava ao ser manuseada, resolveu utilizar uma pequena forma de bolo que havia em sua padaria. Com as pontas dos dedos modelou uma fina camada daquela farofa no fundo e nas laterais da forma e colocou um recheio de frango, cuja receita aprendera com sua avó. 
Quando a primeira fornada ficou pronta ele percebeu que a massa ficou ótima, mas o recheio estava muito ressecado. Resolveu então colocar uma tampa feita com a mesma massa. O resultado foi surpreendente, pois o quitute ficou delicioso e todos que experimentaram ficaram maravilhados com a maciez e o sabor da massa, levemente amanteigada e que se desmanchava na boca. Isso sem falar na gostosura que era o recheio de frango da vovó, é claro. 
A notícia se espalhou pela cidade e todos queriam saborear a tal “tortinha” de massa quebradiça e recheio de frango. O sucesso era tanto que ele não dava conta de atender aos pedidos, uma vez que era muito trabalhoso e demorado produzi-las, pois eram moldadas à mão, uma-a-uma, em um processo artesanal. 

Ingredientes
250 de manteiga c/sal
02 colheres (sopa) de gordura vegetal
02 colheres (sopa) queijo parmesão ralado
01 gema de ovo.
Trigo o suficiente até desgrudar das mãos.
01 gema para pincelar.

Preparo
Na tigela ou bacia coloque a manteiga e a gordura vegetal, a gema o queijo e misture.
Coloque a farinha de trigo aos poucos, misture com as pontas dos dedos até ficar uma massa homogênea e que solta das mãos. Embrulhe em filme plástico e leve a geladeira por 30 minutos.

Passado esse tempo molde as forminhas de empada com a massa, não precisa untar, recheie com o recheio da sua preferência, (essas eu recheei com peito de frango cozido, processado e misturado com requeijão de saco sem amido, azeitonas verdes picadas e salsinha bem picadinha). Cubra com a massa, pincele com gema, coloque as forminhas numa assadeira e leve ao forno pré-aquecido 18º até dourar. 

3 comentários:

Receitas da Belinha Gulosa disse...

Uma bela história, gostei muito de saber e adorei as empadas, bjokas

piteis da dinha disse...

Oi Dalva, sou apaixonadíssima por empada, eu, e acho que o mundo inteiro né? kkkk
As tuas estão maravilhosas...
A massa parece mesmo especial.
Bjsssss querida e um domingo bem maravilhoso p/vcs

Maria Alice Cerqueira disse...

Bom dia Dalva!
Vim agradecer a sua carinhosa vista ao meu meu cantinho seja muito vem vinda ao mundo magico do coração!
Um lindo dia para voce!
Abraço amigo
Maria Alice